n° de visitantes

Leitores

quarta-feira, 14 de abril de 2010

palavrinhas que te quero bem

As palavras roubaram meu íntimo e sumiram.
Eu vou contar para o mundo que eu te descobri: te ganhei pra mim.
Esse universo inverso que a gente se impõe é o tudo em cima do nada.
Quanta coisa esquecida a gente tem.
A vida leva mais de uma dia pra se encontrar.
A vida leva uma vida inteira pra nos achar.
Mas acha não consegue ver além.
Eu não estou estática no tempo.
Eu não nasci sem bandeira.
Eu sou sem eira e beira.
Mas eu sou do latim.
Das palavras vivas.
Meu amor por mim.
Em mim.


2 comentários:

Diego Cosmo disse...

http://dcosmo.blogspot.com/ - Nova postagem! "cosmo a pé"

Guilherme disse...

Lindo como sempre...amor!
Te amo!