n° de visitantes

Leitores

terça-feira, 26 de abril de 2011

é melhor que vá

Em primeiro lugar: sinta-se a vontade para despedidas.







Não adianta, um dia, as pessoas vão precisar de você. Vão te pedir ajuda, dinheiro, carona e paciência. E você vai ter que dar. Vai emprestar aquele vestido caro e vai chorar porque ele voltou mais largo. Vai fazer cara de indiferença mas vai desejar que a pessoa nunca mais te peça nada emprestado. Porque você é boba e vai emprestar de novo. Porque você não consegue ser má. Ainda.

Em segundo lugar: aprenda a dizer NÃO.

Até que o iphone comece a comer todos os créditos e você ''não possui créditos suficientes para fazer essa ligação''. Aí, meu bem, a verdade vem a tona: ninguém trouxe o celular, só existem bônus para a Claro ou todo mundo esqueceu de carregar o celular essa noite. Mentira? Você não consegue ligar porque ninguém te empresta o bendito celular.

Em terceiro lugar: VAMOS SER FRANCOS?

O fato é que existem pessoas e mentiras. Não estou numa fase ''confiante'' o suficiente para escrever as qualidades dos meus amigos. Quer saber, amigo de verdade, é só nosso eu lírico. Ainda sim costumo ser enganada. Pessoas - ou amigos - de verdade não suporta ver você triste. Arranja tempo para quase tudo que você precisa com urgência. Vai na farmácia pra você. Fala bem ou mal dos outros com você. Não usa aquele seu vestido. E não costuma tratar você com frases prontas.

Cheguei no ponto onde queria. Por favor, se você não gosta de mim,tudo bem, não precisa gostar. É sério. Ainda existe uma oportunidade bonita e simples de você não conviver com meus defeitos e VERDADES. Mas o que mais incomoda é isso: amigos, a verdade dói. Se você não tem dinheiro para fazer, não faça. Se você não tem vontade de ficar na moda, não fique. Se você não pode confiar em mim confie pelo menos em você. Sinta-se a vontade para despedidas. Meu caminho é certeiro. Meus objetivos tem um lugar especial na minha vida.

Por isso não demoro na decisão. Costumo não precisar dos outros e ficar na minha. Resolver com a minha competência os meus problemas. Não me sinto bem sabendo que tenho fakes ao meu lado. Amigos que nem mesmo se suportam. Gente cheia de problemas mal resolvidos. Meninas Bruna Surfistinha feelings!

Meu pedaço de amizade está guardado para quem tiver cara limpa. Coragem de assumir suas burradas. E muita, muita, mas muita vontade de me ter ao seu lado como amiga. Porque a partir de hoje eu vou usar o meu faro para gente de mentira. Não vou perdoar falsa falas. E claro, vou deixar a porta aberta para quem não estiver a vontade. Amigo de mentira a gente renova. Porque eles são inevitáveis.



Esse texto é pra todo mundo que já bateu com a cara na porta.




(Há muito tempo escrevi esse texto e até hoje não entendi porque não havia postado antes.)






3 comentários:

luizachagas disse...

Eu bati com a porta na cara demais, aliás, creio eu q tenho feito mais isso doq outras coisas na minha vida. Enfim, o que não mata, engorda OU serve de experiência!

!!!!!!!Quanta Experiência!!!!!!!

Adorei o texto! Bjos ;)

Helena de Oliveira disse...

Luiza!!!!!!!!!

Tudo o que vc disse é verdade. AMO MUITO VOCÊ. Vamos com força que tudo dá certo!

Luana Henriques disse...

Amorzinha! Você pra mim é assim..amiga sem "frases feitas" e podemos até ficar longe,mas sabemos que estamos sempre lá quando apertar. E penso que nosso maior problema é acreditar demais nos outros e esperar retorno..que muitas vezes não vem.. ;)